Translate

17 de dezembro de 2012

O VÉU RASGOU-SE EM DUAS PARTES!



Dizer que determinado momento da crucificação de Cristo é o ponto culminante do acontecimento é complicado. A soma de todos os fatores leva a um propósito excepcional e único, ou seja, o regaste do gênero humano por Jesus Cristo, sob o aspecto de libertação da escravidão do pecado.

Contudo, sem querer afirmar que foi o mais importante, há de se considerar o fato de ter existido um sinal arrebatador visível, porém, emblemático por ocasião do rompimento do véu do santuário.

Os fatos comprovam que o véu rasgou-se em duas partes, de alto a baixo sugerindo que a via de acesso ao Pai, céu terra, homem Deus estava aberta. A fortaleza edificada pelo inferno com matéria prima cognominada pecado que faz separação entre Deus e homem (Isaías 59:2), fora removida definitivamente e sobrenaturalmente, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos - (Romanos 5:19). O sacrifício de Jesus na cruz é o cumprimento da mais importante de todas as profecias registradas na Bíblia - Gênesis 3:15.

O diabo ainda estava comemorando, soltando seus rojões por causa de seu pseudo sucesso contra o homem no Éden, e por que não dizer até contra Deus, achando que a criação não tinha passado de um grande fracasso, quando de súbito o véu foi removido, a terra tremeu e as rochas se partiram.

Todo investimento do inferno foi por água abaixo. O diabo foi frustrado, envergonhado, humilhado e definitivamente derrotado por Aquele que triunfa - Jesus Cristo. “Pois o amor de Cristo nos constrange, porque estamos convencidos de que um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos para que aqueles que vivem já não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou” – (2 Coríntios 5:14-15). Em Cristo o homem se torna livre.

Use esta liberdade para permanecer na presença de Deus. Diga a Deus que você crê que o véu foi rasgado para te beneficiar e ir até Ele sem necessidade de um sumo sacerdote. Confesse que você aceita o sacrifício de Cristo, e que Ele é seu único mediador, Salvador e Senhor.

A Bíblia cita: “Depois de ter bradado novamente em alta voz, Jesus entregou o espírito. Naquele momento, o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo. A terra tremeu, e as rochas se partiram” – (Mateus 27:50-51).

Pense nisto! Por que se contentar com mediocridade se temos por direito conquistado na Cruz e por Cristo Jesus o perdão, a salvação eterna e a plenitude do Espírito Santo?  Afinal, o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo.


_______________Plínio Cavalheiro.

Nenhum comentário: